Brasil tem muito mais do que florestas na agenda climática

22/04/2021

A volta dos EUA ao Acordo de Paris reforça o multilateralismo diante de um tema que afeta todos os países. Lideranças de todo o mundo participam da Leaders Summit on Climate, convocada pelo presidente Joe Biden para os dias 22 e 23 de abril. O Brasil é um dos países que tem papel fundamental para o esforço global de alcançar as metas de neutralidade das emissões de gases do efeito estufa.

As expectativas para a participação brasileira são altas, em razão de sua histórica liderança na agenda do clima e, por outro lado, em razão de questões como aumento do desmatamento, interrupção do Fundo Amazônia e ausência de uma política ambiental para alcançar as NDC.

O Brasil tem contribuições importantes para uma economia de baixo carbono, como é o caso do Renovabio e do Plano ABC. Entretanto, é necessário ter e implementar estratégias que demonstrem nosso compromisso.

Leia o artigo de Rodrigo C. A. Lima, diretor geral da Agroicone, publicado pelo Estadão.

Clique aqui para baixar o PDF.

Leia o artigo no site do Estadão.

 

Compartilhe