Redação Agroicone

As contribuições da agropecuária para o Acordo de Paris

08/10/2021

A realização da COP26 em novembro, na cidade de Glasgow, Escócia, mobiliza esforços de todos os países. A agricultura global está conectada com a agenda do clima e reduzir o risco do aquecimento global é fundamental para promover a produção de alimentos e a segurança alimentar em todo mundo. O Plano ABC em sua primeira fase (2010-2020) e a nova fase do ABC+ representam contribuição estratégica do Brasil para alcançar os compromissos assumidos no Acordo de Paris.

O sócio diretor da Agroicone, Rodrigo C. A. Lima, participou do seminário “COP 26 – Agropecuária Brasileira no Acordo de Paris”, realizado pelo Sistema CNA Senar, em que abordou questões centrais dessa agenda. “A agropecuária no Brasil e em qualquer lugar do mundo precisa ser considerada como parte da solução, pois não existe um setor dentro da agenda climática que vai conseguir resolver o problema como um todo. A agropecuária brasileira é parte da solução, a grande questão é como trabalhar isso para promover cada vez mais impactos positivos. O ABC+, que deve ser apresentado na COP26, reflete essa década de aprimoramento. É uma política que mostrou a importância de fomentar investimentos em tecnologias e práticas para os sistemas produtivos”, afirmou ele durante o evento.

Leia a apresentação de Rodrigo C. A. Lima no evento “COP 26 – Agropecuária Brasileira no Acordo de Paris”

Assista ao vídeo do evento.

Compartilhe

Quer receber mais conteúdos?

Inscreva-se na nossa newsletter e fique por dentro!