Após metas anunciadas, Brasil precisa definir estratégias para neutralidade das emissões

22/04/2021

A meta de neutralidade de emissões até 2050 representou uma novidade apresentada pelo Brasil na Cúpula de Líderes sobre o Clima, e indicou que nos próximos meses o governo precisa criar um plano de ação para avaliar como alcançar a meta até 2030 e fomentar ações que favoreçam a neutralidade de emissões.

Formalmente, o Brasil terá que apresentar essa meta na Convenção do Clima e mostrar suas estratégias, considerando a eliminação do desmatamento na Amazônia, a agropecuária de baixo carbono, biocombustíveis, energias renováveis, dentre outros assuntos. A possibilidade de receber recursos climáticos depende de políticas e ações concretas apresentadas pelo Brasil.

Em entrevista ao jornal Mercado e Cia, do Canal Rural, o diretor geral da Agroicone, Rodrigo C. A. Lima destacou a importância de políticas públicas que já existem no Brasil e que podem contribuir com esse esforço – como é o caso do Plano ABC+, anunciado pelo MAPA. “Isso reforça o enfoque da produção agropecuária brasileira com a sustentabilidade e as boas práticas e precisa ser levado para o exterior”.

Veja a entrevista.

 

Compartilhe