É possível cultivar a soja sem desmatar o Cerrado

É possível cultivar a soja sem desmatar o Cerrado

16/12/2019

A TNC (The Nature Conservancy) publicou um estudo sobre a expansão da soja no bioma Cerrado e concluiu que é possível conciliar o cultivo da soja com a conservação ambiental, utilizando incentivos econômicos que apoiam o produtor rural para expandir sobre áreas já abertas. A Agroicone contribuiu para esse trabalho com estudos econômicos e de geoprocessamento, embasando o documento publicado.

Os mecanismos financeiros que podem fazer diferença e que foram verificados nesse estudo após comparação entre diferentes modelos são:
– Empréstimos de longo prazo tanto para aquisição quanto para a conversão de pastagens para soja.
– Crédito Rural pelo Programa ABC, para conversão de pastagem em soja.
– Financiamento e adoção de tecnologias como integração lavoura-pecuária, por meio de arranjos entre pecuaristas e sojicultores.
– Compensação financeira ao produtor pelo não desmatamento legal.

Por outro lado, sem incentivos financeiros, a alternativa de maior retorno para o proprietário rural é a expansão sobre áreas de vegetação nativa dentro da propriedade. Esse resultado demonstra a importância de políticas públicas abrangentes que incluem a perspectiva do produtor rural para a conservação ambiental.

O estudo está disponível no link abaixo.

Incentives for Sustainable Soy in the Cerrado

portfoliohttp://www.agroicone.com.br/wp-content/uploads/2019/12/estudotnc.jpg